Barra de boas vindas e data

sábado, 31 de outubro de 2009

Pinto Expresso - ui, mano!


Desculpem por ter que me desviar um pouco do foco do blog, mas, vocês sabem, sou adepto da frase: "perco o amigo, mas não perco a piada!".

Não me contive e tive que tirar essa foto do motoboy do "amor".

O mais engraçado foi que, quando me aproximei para tirar a foto, quase para clicar, ele se virou e olhou para mim. Tive que "tirar a bronca" e olhar o outro lado, fazendo que estava ligando. Sorte que o celular dele tocou, atendeu e enfiou dentro do capacete para falar. Aí fui pra galera...

Marketing (pessoal?) mais direto que isso, impossível.
______________________________________________________________
Está vindo a séria série: Adoro uma Calçada.  Estou coletando várias fotos de mal-educados fazendo tolices nas calçadas (não cocô, cocô não. Conceitualmente é. Mas quiz dizer estacionando mal).
Mande fotos para cid.pacheco@gmail.com de qualquer veículo motorizado estacionado a la vonté pelas nossas pobres calçadas que "nóis pubríca"!!!.
Já é difícil andar por elas sem obstáculos, imagine com carros atravessados nelas...

terça-feira, 27 de outubro de 2009

Acidente na Augusto Montenegro deixa vítima fatal


Por nosso enviado especial e reporter instantâneo na Rod. Augusto Mortenegra: Lawrence Paiva.
--------------------------------------------------
Um absurdo de uma van clandestina

Foto tirada no dia, 27 de outubro de 2009. Um acidente que envolveu um microônibus (com código BP 88102, no meio da foto), um ônibus (a frente do micro), e uma van clandestina (atravessada um pouco acima do Civic prata, ao lado direito da imagem) nesta manhã, por volta das 7:25h (preste atenção como ficou as duas mãos da rodovia), acabou deixando mais de vinte feridos, sendo três vítimas graves, na Rodovia Augusto Montenegro, em frente ao residencial José Homobomo. Um homem faleceu no local, uma mulher chegou a ser levada ao hospital, mas não resistiu e uma criança (a qual não fiquei sabendo de seu quadro clínico até o momento). Segundo comentários dos curiosos, após a colisão dos veículos, o microônibus perdeu o controle e atingiu as pessoas que estavam na parada de ônibus, indo ao trabalho. Outros passageiros dos veículos sofreram ferimentos leves. O trânsito ainda chegou a ficar lento por pelo menos uma hora, mas depois foi normalizado.
------------------------------------------

Segue matéria complementar publicada no Diário do Pará On Line de hoje.



Acidente na Augusto Montenegro deixa vítima fatal




Um acidente grave aconteceu no início da manhã de hoje (27), na avenida Augusto Montenegro, envolvendo um ônibus de linha e um micro-ônibus do transporte alternativo, no sentindo Icoaraci – Belém, deixando uma vítima fatal e cinco feridos.



Acidente deixou uma pessoa morta e cinco feridos (foto: Keilon Feio)


Segundo testemunhas, o ônibus bateu na traseira no micro, que perdeu o controle e acertou as pessoas que estavam na parada de ônibus em frente ao conjunto José Homobono, próximo à entrada do bairro Satélite.


A vítima fatal foi um homem que fez sinal para o micro-ônibus. Segundo testemunhas, o veículo estava na via expressa e fez um curva fechada para entrar no ponto. O ônibus que estava atrás não conseguiu desviar completamente devido a velocidade da manobra e acertou uma parte da traseira do micro, que subiu a calçada e virou em cima de um homem e uma mulher. Ela estava com um bebê no colo, mas no último momento jogou a criança na grama para evitar o pior.


A criança sofreu ferimentos leves e a mulher está internada em estado grave.


O trânsito no local está completamente engarrafado desde o Conjunto Maguari até o Entroncamento. A CTBEL está no local para tentar controlar a situação, já que os carros estão sendo desviados para a segunda pista, onde o movimento é menor.


(Diego Andrade, Diário Online)

domingo, 25 de outubro de 2009

Ajuste seu retovisor - Bom Dia Brasil

A educação é a base para um desenvolvimento sustentável para qualquer sociedade, em qualquer época. Podemos ver que as nações mais desenvolvidas do mundo tiveram-na como base principal. É uma pena que em nosso país seja dada tão pouca importância a ela, sendo que os resultados são vistos em praticamente todas as esferas da sociadade brasileira, principalmente no trânsito de nossas cidades. As pessoas não têm uma base sólida sócio-educacional, onde aprendemos que nossa liberdade termina aonde começa a do outro. Então vemos atropelamentos, tiros, semáforos vermelhos sendo estuprados a qualquer hora, envolvendo pessoas que não tem nada a ver com a pressa de outrem, enfim acidentes e incidentes que muitas vezes acabam ceifando vidas de inocentes.
Pensando nisso, posto aqui uma reportagem exibida no programa Bom Dia Brasil da rede Globo, enviada pelo nosso amigo Juracy Neto, onde trata das causas e conseqüências da má-utilização desse importante item do automóvel, e como ajustá-lo corretamente.




Dei um tempo à CTBel, mas em breve voltarei. Temos muitos assuntos a tratar.

sábado, 24 de outubro de 2009

Guardolinha que é guardolinha não perde tempo!

 Caros amigos, segue um relato no mínimo hilário de nosso colaborador Renato Fernato Fernandes:
Segue uma foto de um guardolinha fazendo seu digníssimo trabalho.
Neste momento ele havia acabado de pegar no batente e já estava multanto em menos de um minuto um pobre mortal que realmente havia ultrapassado o sinal vermelho.
Sim... E qual é o erro? (Afinal, belemense que é belemense avacalha o trânsito mesmo!).


Está vendo aquele Fiat Uno azul estacionado quase na frente dele? Pois é... Está estacionado de forma proibida (até onde eu sei). Está em cima da faixa amarela (está meio apagada, mas, acredite, existe uma lá). E o mais interessante é que tem duas e estão pintadas uma por cima da outra, ou seja, tudojuntoemisturado... hehehe. Êeeee CTBel "bacaaanaaa". E olha que trata-se de Doca de Souza Franco.
Voltando ao velho Uno: o nosso "amigo" guardolinha aí não multou o infrator. Sabe porquê? Porque o veículo é o DELE MESMO!! É... é isso aí. Huhuhuhu.
eu sei porque estava saindo do Sesc Doca, quando vi desde o momento em que o nosso camarada chegava em seu "possante" para trabalhar até o momento do apito final.
O que eu achei mais engraçado foi que ele deu aquela gostoso apito (com gosot de fim de semana) para o infrator quando ainda estava saindo do carro... hueheuheuhe.
Bem... só faltava ele abrir o porta malas e ficar ouvindo "aquele breguinha" (como muitos que tem carro-trio-elétrico na Doca) enquanto pegava a gorjeta... hehehe.
Na verdade sempre vemos esse tipo de situação: um carro da CTBel estacionado em fila dupla batendo papo com o guardolinha que está no balcão, oops, no ponto de trânsito. Eles deixam as motos da própria CTBel e tudo o que os acompanha no meio de tudo e os motoristras e pedestres de dêem seu jeito.
Aí vem a pergunta: cadê o exemplo?
Aí vem a resposta: eles não se importam com Moral, educação e disciplina. O que importa é lucrar, e muito. Tanto para a CTBel quanto com a velha "gorjeta" para retirar a multa.
Alguém sabe informar se eles ainda ganham participação por multa aplicada?
Por favor me responda para mim: cid.pacheco@gmail.com.

Obrigado, Renato.

terça-feira, 20 de outubro de 2009

Recorde mundial dos 30m rasos sem barreiras

As olimpíadas do Rio estão chegando e todos estão entrando no ritmo!
Nossos atletas deveriam usar esse método urbano muito eficiente. Na África eles usam leões e chitaras para treinar.
Veja o vídeo.



Você está rindo porque não foi com você correndo na frente de um Icoaraciense atrasado (eles sempre estão atrasados!) na Augusto Mortenegra. 

Imagina esse caboco sem pasta!!!


____________________________

Isenção de multa: eles não divulgam! É verdade?



Esta imagem foi enviada pelo nosso colaborador Valdemiro Lopes.

Se alguém puder confirmar essa informação, todos agradecemos: a internet nos prega peças, como o Rubinho tentou pregar no Massa.

segunda-feira, 19 de outubro de 2009

Extorção na Braz de Aguiar

Estou postando abaixo um texto na íntegra que foi publicado em um site chamado Jurid Digital, enviado por um leitor do nosso blog, a qual está indignado com a extorção que nos acomete na Av. Braz de Aguiar. Ele diz em seu e-mail que "muita gente não sabe que está sendo extorquida na Braz de Aguiar e paga multas em um estacionamento em via pública, que não deveria pagar, e ainda é aviltada por pessoas sem nenhuma legitimidade de trânsito (flanelinhas que se acham autoridades e depois só 'repassam' as notificações das multas para os agentes da CTBEL que deveriam, por lei, estar no lugar e no momento da autuação, pessoalmente). E, mesmo que estivesse lá, multariam sob que alegação, já que na área não é proibido estacionar??? É VIA PÚBLICA!!!".
É um grito de todos nós. Até porque estão querendo expandir a extorção, digo, a solução a outras vias de Belém. Tá dando dinheiro (né Prefeito?), então a coisa anda.


Eu aproveitei e dei uma passada por lá e tirei boas fotos. Elas mostram os pseudo-guardolinhas com seus coletes azuis mostrando trabalho. Degustem-nas.

Agora tome um chá de folha de maracujá e leia o texto com calma:
--------------------------------------------
Autuações de trânsito lançadas por monitores da "área azul" são irregulares
Fonte: TJSC


A Câmara Civil Especial do Tribunal de Justiça, em agravo de instrumento sob relatoria do desembargador substituto Luiz Fernando Boller, manteve decisão da Vara da Fazenda Pública da Capital, que determinou ao Município de Florianópolis que se abstenha de encaminhar notificações elaboradas por monitores do estacionamento rotativo à autoridade de trânsito.

Boller destacou que, segundo o estabelecido no Código de Trânsito Brasileiro, compete às Polícias Militares executarem a fiscalização do trânsito, ao passo que as infrações devem ser diretamente constatadas e comprovadas por declaração da autoridade ou agente de trânsito, conceito em que não se enquadram os monitores da "área azul".

O relator salientou, ainda, que "conquanto estes não lavrem diretamente os autos de infração, é com base nas informações por eles prestadas que as autuações são reduzidas a termo pela autoridade de trânsito, o que contraria a legislação, viciando o procedimento". Assim sendo, manteve a proibição até o julgamento final do recurso de agravo de instrumento, o que dará ensejo a significativa alteração na rotina de fiscalização e controle das áreas de estacionamento rotativo em Florianópolis.

Agravo de Instrumento nº 2009.048503-0
--------------------------------------------
Vejam que, embora seja um juiz de "Floripa", a coisa se encaixa perfeitamente a Belém. A situação escabrosa está aí, só falta um juiz bater o martelo.

domingo, 18 de outubro de 2009

Possível giardíase coletiva

Por nosso correspondente da Rodovia Augusto Mortenegra: Lawrence Paiva.
-------------------------------------------------------
Acordei hoje às 6 horas da manhã, para trabalhar, um belo domingão ensolarado e, logo de saída, dei de cara com essa inusitada cena. Só me esqueci de perguntar aos senhores motoristas do caminhão e do ônibus se eles estavam disputando um emocionante racha; se estavam querendo criar um novo atalho na rodovia ou se alguém estava com um sintoma de giardíase aguda. A única coisa que eu sei é que vão ter uma boa dor de cabeça para pagar a conta dos estragos.
Notem que às 7:35h da manhã não havia nenhum guardolinha para orientar ou multar alguém. Coisas que só acontecem no Trânsito Caótico de Belém.

__________________
Local do novo atalho: Rodovia Augusto Montenegro com Estrada da Maracacuera.

segunda-feira, 12 de outubro de 2009

Retratos de uma cidade suja e inacabada


Não há coisa mais desagradável para uma cidade que má fama. Quem costuma viajar para outras capitais sabe do que falo. Belém tem fama de cidade suja, de políticos sujos e que não se importam com o bem-estar do cidadão. A imagem não me deixa mentir. Em Belém começam-se a fazer as coisas, mas não terminam. Dão "gás" nas obras quando as eleições se aproximam. Dão uma "maquiada" na obra incompleta e, "tcham!", Voilá! Está entregue. Vejamos algumas obras com essas características:

1. Viaduto Mariguela: além do elevado, o projeto previa um túnel, passando por baixo da Av. Almirante Barroso.

2. Túnel do Entroncamento: gentilmente tratado como o "buraco do prefeito", a prefeitura anterior começou e atual tentou terminar.
Deveria ter um elevado, não recordo o sentido (Almte. Barroso --> Augusto Mortenegra ou BR-316 --> Av. Pedro A. Cabral), mas entregaram o elefante assim mesmo.

3. Portal da Amazônia: Você já viu o tamanho desse projeto? É uma coisa absurdamente grande. Eu, particularmente, não acredito que isso se conclua nesta gestão ou até nas próximas. É só para abrir nossos olhos. Certo dia, em uma de minhas viagens, conheci um senhor que era funcionário da empresa que está tentando construir a obra. Ele me disse que a empresa estava há mais de três meses sem receber e tocando a obra com recursos próprios, pois havia acabado a grana da Defeitura, a qual estava atrás de mais dindim para comer... Isso aconteceu há dois anos e obra está mesmo jeito.


4. Duplicação da Avenida Perimetral: Só foi até a frente da UFPa. Esse foi para inglês e o resto do mundo ver e tem um nome: Fórum Social Mundial. Um evento muito mal-feito, sem estrutura, sem tudo.



5. Avenida João Paulo II, antiga Primeiro de Dezembro: Fizeram até o Entroncamento (sempre ele). É a mesma coisa de defecar e não limpar (estou com uma imensa vontade de chamar palavrão).

6. Elevado da Júlio César com Pedro A. Cabral e Projeto Metrópole: Atualmente encontra-se na nossa mira. Acho que esse vai sair porque a (des)governadora está com moral um pouquinho baixa e, além de ter recursos do Banco de Brasil, ano que vem tem eleição e o "Grande Molusco" quer empurrar a Dilma pra cima da gente.

Fica em aberto para vocês informarem outras outras obras inacabadas de nossa ex-Metrópole. Não será difícil lembrar. Ou se houver mais nenhuma, é porque realmente não fo feito nada pela cidade a algum tempo atrás.

Clichê do Dia: Educação é bom e eu gosto!


A primeira foto dispensa demais comentários pois é algo corriqueiro em nossas ruas. O motorista não tem noção do tamanho do veículo que dirige e também não tem noção de tempo do semáforo, então calcula mal e acaba fechando o trânsito, como mostra a foto

Na segunda foto, acho que o motorista da Kombi pensou que a Defeitura havia colocado um atalho alí para ele não ter que ir dar uma voltinha lá em frente ao Mangueirão.

______________________
Local da falta de educação: Foto 1: Domingos Marreiros com Castelo. Foto2: Av. Independência (não sei de quê) com Augusto Mortenegra.

sexta-feira, 9 de outubro de 2009

Fila quádrupla???

Por Lawrence Paiva
-------------------------
Você já ouviu falar em fila quádrupla de carros?
Não, eu não escrevi errado, é verdade!
Em uma tarde ensolarada, às 17:25h, ao sair do trabalho, dei de "cara" com esse absurdo no trânsito de Belém, no horário em que nós, trabalhadores, estamos de saída para nossas casas descansar, ainda temos que sair desviando desses enormes caminhões e dos ônibus e mototáxis que passam em alta velocidade pelas nossas avenidas. Tive que me esconder ao lado do ônibus de linha: Icoaraci - Cidade Nova, para não ser espancado pelos motoristas dos caminhões.


A foto aqui ao lado, foi no mesmo local, mas em horário diferente, um dia após a foto acima, às 07:03h da manhã. Mas para ter uma visão maior da "macaquice" eu subi na passarela para ter essa visão panorâmica.

__________________

Local da fila de caminhões:
Rodovia Augusto Montenegro, km 05, em frente a uma empresa de refrigentes mundialmente conhecida.

terça-feira, 6 de outubro de 2009

Belém, a metrópole do futuro!


Bem gente, eu estive um tempo ausente pois precisei ir à matriz da empresa onde trabalho em São Paulo. Acontece que, apesar de até estar acostumado a ir lá, sempre me surpreendo com o tamanho da cidade e com seu trânsito, mesmo me sentindo em casa.
Agora olhe as duas fotos que tirei do trânsito de lá: se eu dissesse que eram de Belém, certamente você acreditaria. Veja os caminhões e vans velhas disputando espaço com carros e motos. Para! Tá bom! Vou ficar por aqui na comparação, pois em Sampa, (quase todos) os motoristas respeitam as leis de trânsito para poderem chegar a algum lugar o menos tarde possível. Na última foto, você pode perceber o investimento em infra-estrutura pela cidade, e ainda assim é tudo uma loucura. Então fiquei imaginando como seria a maior capital do país com os motoristas daqui de Belém... Sob minha óptica ela pararia simplesmente.

Então meus caros, podemos ver que Belém chegou no mesmo nível de São Paulo: trânstio caótico todos os dias. É o futuro negro. Hoje!

Nota: não me mande sugestão para fazer o blog Trânsito Caótico de São Paulo!!!! Já me basta o daqui!

_________
Local do nó: Marginal Pinheiros - São Paulo (não pergunte em que perímetro porque eu dormi metade da viagem para Guarulhos e estava perdido no momento das fotos!)