Barra de boas vindas e data

terça-feira, 30 de agosto de 2011

Assunto do dia: Kombi

Esta é uma ótima idéia: quando o sua carro quebrar, lembre-se de levar sempre junto:
1. Uma cadeira de plástico (porque é leve) e;
2. Para quem gosta, claro, uma grade cerveja bem gelada em um isopor comprado no Portugal Descartáveis. Dá até para ganhar um troquinho extra com os passageiros pinguços.

Explico: para casos de emergência e o socorro demorar a chegar, evitará que você torre precise ficar dentro do veículo no sol escaldante ou gastar a sua preciosa gasolina, ligando o condicionador de ar, que no caso do carro em questão, é muito raro.

Óbvio que só dá para lançar mão da brilhante idéia quem tem um trambolhão uma Kombi, ou semelhante.

Neste caso, acho que a vítima o motorista desistiu de esperar e foi buscar o socorro a pé...

Local da parada obrigatória: para que não reconheceu, até porque a cidade é cheia de elevados (ironia, tá?!), este é o famigerado e único por décadas, viaduto do Coqueiro.
-------------------------------------------

E por falar em Kombi, o amigo Renato Fernandes, do blog Bem Interessante nos enviou esta foto aí abaixo com uma Kombi com um aparelho de ar condicionado melhor que o do meu quarto...

Quero saber se ele teve um desconto na peça para fazer propaganda da Consul.

Local da frescura no momento da foto: Enrolamento Entroncamento. 
Dê um sorrisinho se você não ficou doido para ir de Icoaracy para Marituba pegando um (vento) fresco..

---------------------------------------------


Sei que todo mundo aqui sabe o que é uma Kombi, mas vale a pena ler mais sobre a bichinha, tão mal falada nas páginas da Quatro Rodas e afins por sua tecnologia sexagenária:

Volkswagen Kombi

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
A Kombi é um automóvel utilitário produzido pela Volkswagen. É considerada a precursora das vans de passageiros e carga.

Sua construção robusta monobloco (sem chassi), suspensão independente com barras de torção, além da exótica posição do motorista no carro (sobre o eixo dianteiro e com uma coluna de direção praticamente horizontal), o tornam um veículo simples e robusto, de baixo custo de manutenção. Sua motorização é um caso a parte: embora os modelos mais recentes possuam motores mais modernos, durante 50 anos o motor que equipou o veículo no Brasil foi o tradicional "boxer" refrigerado a ar, simples e muito resistente. Tal durabilidade geralmente superava em muito a do resto do carro, sendo comum nas ruas brasileiras ver carros totalmente destroçados, porém com o motor rodando perfeitamente. A despeito disso, a Kombi é um carro que, se usado dentro das especificações padrão, pode durar um longo período.

Material emprestado da Wikipedia, a enciclopedia livre. Clique e leia todo o artigo sobre a Kombi.



5 comentários:

  1. Pows! Já tivemos uma Kombi. É só o filé! Mas na época não existia split. Só aqueles de janela. Dava pra colocar?? hehehe.
    O cara é artista mesmo.

    Ah tá... e sobre a Kombi para por prego, até onde eu sei é infração grave. Correto?

    ResponderExcluir
  2. bom dia amigos, gostaria de saber o que foi preciso fazer de adaptaçao para a colocaçao do ar split na kombi, pois, tenho uma 96 e achei a ideia bacana.

    abraço

    ResponderExcluir
  3. bom dia amigos, gostaria de saber o que foi preciso fazer de adaptaçao para a colocaçao do ar split na kombi, pois, tenho uma 96 e achei a ideia bacana.

    abraço

    ResponderExcluir

Seus comentários são bem vindos, mas, por favor, evite postar palavrões e demais palavras de baixo calão. Seja inteligente e direto. Grato.