Barra de boas vindas e data

quarta-feira, 29 de fevereiro de 2012

Teste do respeito à faixa de pedestres

O Mais Você desta sexta, 24 de fevereiro, abordou um assunto muito importante e, muitas vezes, esquecido no trânsito brasileiro: o respeito à faixa de pedestres.



“Nessa correria do dia a dia, o motorista e o pedestre acabam esquecendo de olhar para esse sinal de trânsito que fica lá desenhado no chão”, ressaltou Ana Maria Braga ao anunciar o tema. “A faixa tá ali para ser respeitada”, alertou ela.

“Infelizmente, os números são altos. Só no estado do rio, pra você ter uma ideia, o corpo de bombeiros atendeu quase onze mil vítimas de atropelamento no ano passado. Sabe quantas pessoas foram atropeladas por dia no estado? Vinte e oito”, completou a apresentadora.

Pensando nesse assunto, o programa resolveu fazer um teste e ver se o motorista respeita o pedestre que pisa na faixa pra atravessar a rua. “A gente se perguntou: ‘Será que é possível esperar esse tipo de gentileza no trânsito?’”, destacou Ana.

O Código Nacional de Trânsito diz que o pedestre tem sempre a preferência quando estiver atravessando a rua. No semáforo, ele deve esperar até que o sinal feche para os carros. Onde existe apenas a faixa, o motorista é obrigado a parar. O programa foi até o Rio de Janeiro, Cuiabá, Mato Grosso, Maceió e Alagoas.

Em reportagem, Jaqueline Silva comprovou o desrespeito dos motoristas nestes locais. Raramente alguém para e prioriza o pedestre. Na Barra da Tijuca, nem o carro de instituições públicas do Rio pararam. Em Cuiabá, a reação foi a mesma: a faixa de pedestre é invisível para quem dirige. Em Maceió, o desrespeito se repetiu. E assim sucessivamente.

“É tudo uma questão de civilidade e educação, comece em casa! Nós já fomos um país subdesenvolvido e hoje estamos sendo visto pelos outros como um país em desenvolvimento”, observou Ana Maria.

O que diz a Lei?

Para o motorista que não respeita o pedestre na faixa, a multa é de R$ 191,54 e há perda de 7 pontos na carteira. Os pedestres também sofrem penalidade se atravessarem fora da faixa. A Lei existe desde 1966. A multa é de R$ 26,60. Até hoje a lei não saiu do papel porque o Departamento Nacional de Trânsito não a regulamentou.

Fonte: Mais Você da Rede Globo

Comentário:
Bem... nessa matéria podemos ver claramente que esse não é um problema apenas de Belém ou do Pará. É uma falta de respeito que acontece no Brasil inteiro. Então podemos concluir, que se trata de uma questão extremamente cultural e educacional da sociedade brasileira.
Como mudar isso? Depende de você pedestre e/ou motorista.
Lembrem-se: Gentileza gera gentileza.




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seus comentários são bem vindos, mas, por favor, evite postar palavrões e demais palavras de baixo calão. Seja inteligente e direto. Grato.