Barra de boas vindas e data

domingo, 1 de abril de 2012

CTBel convoca aprovados em concurso

CTBel convoca candidatos aprovados e classificados em concurso público

A diretora-superintendente da Companhia de Transportes do Município de Belém (CTBel), Ellen Margareth Souza, homologou no último dia 28 o resultado final do Concurso Público 01/2011, promovido para provimento efetivo nos cargos de agente administrativo, agente de trânsito e fiscal.

O edital de homologação do concurso da CTBel está convocando, no total, 113 candidatos aprovados e classificados, sendo 95 agentes de trânsito (três vagas às pessoas com deficiência), 6 fiscais e 12 agentes administrativos.

Todos devem comparecer à sede da CTBel (Av. Bernardo Sayão, 2072, Jurunas), na próxima segunda-feira (2), às 10h, para conhecimento das atividades do órgão municipal, bem como para apresentação dos documentos que se fazem necessários à nomeação e posse no cargo.

O edital especifica ainda que o concurso público da CTBel terá validade pelo prazo de dois anos, a contar da data da homologação do resultado final (28.03.2012), podendo ser prorrogado por igual período, com a nomeação e posse dos demais candidatos aprovados e não classificados condicionadas à necessidade de pessoal e disponibilidade orçamentária da administração pública.

Agentes - Os 95 agentes de trânsito que estão sendo chamados pela CTBel não vão, de imediato, trabalhar nas ruas. Após a nomeação e posse, eles deverão obrigatoriamente passar por curso de capacitação de agente de trânsito, com carga de 160 horas, realizado em 20 dias e por período integral, ministrado por técnicos da companhia, com aulas sobre o Código de Trânsito Brasileiro (CTB), relações humanas e interpessoais e outras inerentes ao cargo.

O agente de trânsito que não for aprovado no curso - cuja nota mínima por disciplina é sete - não poderá ir às ruas, então ficará na parte administrativa e deverá refazer o curso em outra oportunidade. Entretanto, o estágio probatório do funcionário público municipal estatutário tem o prazo de três anos. Assim, se o agente de trânsito não conseguir passar no curso de capacitação nesse período, ele provavelmente será exonerado do cargo.

Fonte: Ascom CTBEL

Bem... só espero que levem consigo o velho dito "muito ajuda quem não atrapalha".

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seus comentários são bem vindos, mas, por favor, evite postar palavrões e demais palavras de baixo calão. Seja inteligente e direto. Grato.