Barra de boas vindas e data

terça-feira, 19 de março de 2013

Mais um flagrante de irresponsabilidade

Quanto mais eu ando nesta cidade, mais assustado fico. Não sei até aonde vai a ousadia e/ou o despreparo dos ditos motoqueiros.

Eu, particularmente, até por ser pai de dois filhos, não me vem à cabeça o motivo ou  até necessidade de se levar uma criança desta maneira em uma moto.

Sei que existem aqueles motoqueiros que fazem tudo direitinho, à risca, e não arrisca a própria vida, muito menos as dos outros, mas a maioria, digo de novo: a MAIORIA esmagadora dos motoqueiros desta cidade é um bando de irresponsáveis, inconsequentes e kamikases, que brincam com suas vidas, se esgueirando entre outras motos e carros, como se seus corpos fossem de borracha, à velocidade que seu punho direito possa alcançar.

Fica o recado e a imagem, embora desfocada de propósito, para proteger a criança, que não merece uma mãe dessas. Ah, a mãe! Eu tinha esquecido dela!!! Se que é mãe mesmo... pode ser a tia, a avó, a vizinha, a prima de 3º grau...

Ah, antes que digam, também sou motociclista, com orgulho... mas louco não!

Esse capacete azul está muito estranho!!!

Um comentário:

  1. Muito bom flagrante!
    Até quando as autoridades vão fazer vista grossa para esse tipo de delito. Pois é um DELITO.

    Não adianta nem o cara dizer "ah, mas é o único meio de transporte pra minha família, pois não posso ter carro". Beleza... entendo.
    Mas aviso que também há no mercado aqueles carros laterais (sidecar) para anexar nas motos que comportam mais um passageiro (até dois em alguns modelos), que não são tão caros em comparação com o valor da moto e com o que se gasta com a 'bebidinha' de todo fim de semana (senão todo dia).

    ResponderExcluir

Seus comentários são bem vindos, mas, por favor, evite postar palavrões e demais palavras de baixo calão. Seja inteligente e direto. Grato.